Theodor Adorno: a crise da crítica da comunicação

Ciro Marcondes Filho

Resumo


As propostas estéticas, filosóficas e epistemológicas de Theodor Adorno, um dos maiores pensadores do século 20, tinham quase sempre componentes obscuros, às vezes ingênuos, outras vezes inatingíveis. Sua maior contribuição parece ter sido o conceito filosófico do não-idêntico, mas suas concepções musicais não eram nada claras e suas posições epistemológicas caíam em contradições insolúveis.

Palavras-chave


arte; mimese; dodecafonismo; comunicação

Texto completo:

PDF PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.