A herança eleata e a ambigüidade do não-ser no materialismo antigo

João Quartim de Morais

Resumo


Melisso sustentou que o ser é compacto e infinito; se fosse uma esfera finita, como Parmênides pretendia, mais além desta haveria o vazio, portanto, o não-ser seria. Conseqüência absurda na ontologia eleata, da qual Leucipo e Demócrito retiveram os atributos do ser, mas transpondo-os à dimensão microcósmica: os corpúsculos elementares são finitos quanto à magnitude e infinitos quanto ao número, movendo-se sobre o pano de fundo do vazio. Examina-se, notadamente, como essas questões são tratadas na física de Epicuro.

Palavras-chave


atomismo; ser; não-ser; epicurismo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.