A isonomia e a diferença: a recepção do papel das mulheres no enfrentamento das ondas da Politéia V

Magda Guadalupe dos Santos

Resumo


O texto discorre sobre as duas primeiras ondas da Politéia platônica, discutidas por meio de planos de leitura do papel das mulheres na construção da cidade justa. Na simbologia demonstrativa da obra encontra-se o télos maior do ideal de uma cidade governada pelo filósofo. No entanto, as duas primeiras ondas ressoam como verdadeiro ponto de incitação, a ser analisado de várias perspectivas argumentativas. O grande desafio que o texto da Politéia apresenta é de ser lido nos moldes de certa estética da recepção, tomando a obra como verdadeiro potencial de efeitos, na qual princípios de isonomia, identidade e diferença se validam de forma paradoxal.

Palavras-chave


Diferença; mulheres; isonomia; gênero

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.